Internato

Equipe

  • Coordenadora local: Danielle Pinto Zanella
  • Secretária local: Poliana Tamara Detone Rodrigues
  • Psicopedagoga: Elizabeth Prates Alves de Miranda
  • Supervisores de área: Magid Lauar (CC), Dra. Jamille Salles (CM), Dra. Fabiana Melato (EU/SM), Dr. Leonardo Ennes (APS), Dra. Iara Gail (PED) e Dr. Renilton Aires Lima (GO/SC).

 

O Internato

O Estágio Curricular Supervisionado é parte integrante do currículo, de acordo com o projeto pedagógico do curso de graduação em medicina. O Estágio tem a finalidade de proporcionar ao aluno a prática das teorias assimiladas durante o curso e, consequentemente, propiciar sua inserção no mercado de trabalho, é também uma atividade de relacionamento humano comprometida com os aspectos afetivos, sociais, econômicos e, sobretudo, político e cultural, porque requer consciência crítica da realidade e suas articulações.

O estágio tem caráter obrigatório, é uma atividade complementar ao estudo, à análise e à teorização dos conhecimentos construídos durante a trajetória curricular.

Para melhor conhecimento sobre o funcionamento do Internato, acesse o Manual do Internato Univaço Afya.

Objetivos

Buscar a integração do curso oferecido pela UNIVAÇO com organizações profissionais, sociais, sindicais, entre outras, ligadas à área de formação do discente.

  • Servir como mapeamento da realidade profissional, aproximando os conhecimentos acadêmicos da prática de mercado.
  • Buscar colocação profissional junto ao mercado de trabalho de acordo com a área de interesse do aluno e com a formação proporcionada pelo curso.
  • Assumir caráter de instrumento de integração, constituindo-se numa atividade centrada na articulação entre a teoria e a prática, entre o saber e o fazer.
  • Promover a integração da IES/curso com organizações da comunidade externa.

 

Locais de estágio

 Hospital Márcio Cunha – Fundação São Francisco Xavier

O Hospital Márcio Cunha (HMC) é um hospital geral de alta complexidade, com 548 leitos e três unidades, sendo uma unidade exclusiva para o tratamento oncológico.

Atende a uma população de mais de 800 mil habitantes no leste de Minas Gerais e presta serviços nas áreas de ambulatório, pronto-socorro, internação, terapia intensiva adulta, pediátrica e neonatal, terapia renal substitutiva e medicina diagnóstica.

Conta com cerca de 500 médicos em 50 especialidades, atende a pacientes do Sus – Sistema Único de Saúde, de convênios e da Usisaúde, sendo o 5º em números de internações pelo SUS, em Minas Gerais.

 

Hospital e Maternidade Vital Brasil

O Hospital e Maternidade Vital Brasil (HMVB), administrado pela Fundação São Francisco Xavier (FSFX), vem prestando atendimento à população de Timóteo e região.

 

Hospital Dr. José Maria Morais

O Hospital corresponde a um dos principais centros de saúde da região com prestação de serviços pelo Sistema Único de Saúde (SUS), sendo financiado pelos governos estadual e municipal e administrado pela prefeitura de Cel. Fabriciano. É o responsável pelo atendimento da regional de saúde de Coronel Fabriciano, que envolve municípios do Vale do Aço e seu colar metropolitano.

UNIMED - Hospital Metropolitano do Vale Do Aço

O Hospital Metropolitano do Vale Do Aço é referência na região e a Unimag é responsável pelo Núcleo de Imagem que atende Pronto Atendimento e Internações, 24 horas por dia. Conta com uma moderna estrutura construída numa área de mais de 23 mil metros quadrados com110 leitos de internação; 10 leitos de UTI; 8 salas Cirúrgicas e Pronto Atendimento Adulto e Infantil e um corpo clínico formado por 285 médicos.

Hospital municipal de Ipatinga

“Inaugurado em 19 de setembro de 1994, com a estrutura de um Pronto Atendimento, tinha capacidade na época para 150 atendimentos/dia e era denominado Pronto Socorro Municipal de Ipatinga (PSMI). Com o passar do tempo, a demanda de atendimentos ultrapassou muito os limites propostos e houve a necessidade de uma ampliação da estrutura física. Em 03 de Junho de 2008, houve a inauguração oficial do Hospital Municipal Eliane Martins. Classificado como Porte II, conforme critérios do Ministério da Saúde, faz parte da rede de resposta hospitalar às urgências e emergências das microrregiões de Minas Gerais, sendo importante "porta" para Urgência e Emergência na região, único serviço 100% SUS, com alta demanda.

O Hospital recebe também os pacientes encaminhados diretamente pelo SAMU, Bombeiros, Policia Militar e aqueles encaminhados da UPA 24 horas (principal via de acesso ao HMEM).

Possui, atualmente, 140 leitos cadastrados no CNES, sendo 13 de Pediatria Clínica, 05 de Traumato/Ortopedia, 99 de Clínica Geral, 02 de Pneumologia Sanitária, 11 de Psiquiatria e 10 de UTI adulto tipo II. Atende os munícipes de Ipatinga e é referência para os municípios da Microrregião Leste. Serve de ponto de apoio ao Sistema Único de Saúde.” por Secom - Publicado em 18/02/2019

 

 Unidade Pronto Atendimento – UPA

Construída com recursos dos governos Federal e Estadual, a UPA 24 Horas de Ipatinga entrou em funcionamento em 22 de fevereiro de 2014. A unidade de pronto-atendimento conta com 17 leitos de observação, pronto-socorro odontológico e serviços de raio X e eletrocardiografia.

Outros quatro leitos são destinados à estabilização de pacientes graves encaminhados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192) e o Corpo de Bombeiro. São quase 400 profissionais, entre servidores municipais e terceirizados, à disposição da comunidade. Apenas no quadro médico são 56 profissionais, sendo sete médicos especialistas atuando a cada plantão, incluindo dois cirurgiões, dois pediatras e três clínicos.

 

Unidade Básica de Saúde – UBS

As UBS (Unidades Básica de Saúde) são postos públicos de pequeno ou médio porte com estrutura apta a fornecer atendimento para até 80% dos problemas de saúde da população brasileira.

Instaladas em inúmeros bairros e chamadas popularmente de “posto de saúde”, as UBS são responsáveis por disponibilizar uma atenção primária ao cidadão e, dessa forma, dispensar a necessidade de deslocamentos ou transferências para outros hospitais.

Nesse local é feito o atendimento primário em Saúde por uma equipe de médicos, enfermeiros, psicólogos, odontólogos, técnicos em enfermagem, agentes comunitários em saúde e funcionários administrativos.