às 14:36:00

Projeto de extensão de alunos da Univaço visa a prevenção ao Covid-19

Os alunos realizam apresentações a respeito da prevenção e da fisiopatologia do vírus.

Mesmo diante um cenário esperançoso com o aumento da imunização da população em geral, sabe-se que a prevenção ao Covid-19 ainda é importante, visto que algumas vacinas precisam da segunda dose para que realmente façam efeito. Além disso, existem muitas crianças e adolescentes que não tomaram nem a primeira dose e precisam de um cuidado redobrado. Foi pensando nisso que os estudantes da última fase da Univaço resolveram criar um projeto de extensão e levar o assunto a alunos de escolas particulares de Ipatinga.

Orientado pelo professor Dr. Éder Samuel, o projeto de extensão ‘Prevenção à Covid-19: orientações aos alunos das escolas de Ipatinga’, trata-se de uma ação de caráter educativo, social e científico cujo objetivo é abordar a prevenção ao covid-19. Com início no mês de junho, os estudantes orientaram, até o momento, os alunos do Colégio Batista de Ipatinga. Eles passam por todas as turmas realizando apresentações a respeito da prevenção, da fisiopatologia do vírus e tirando todas as dúvidas.

“Nós ficamos surpresos de tantas dúvidas que eles estão trazendo para nós. Um projeto que era para ser uma apresentação breve de 20 minutos está durando horas, pois estão tendo muitas dúvidas. ” completa Esmaylhom, um dos responsáveis pelo projeto.

Com foco nos estudantes do ensino fundamental (1ª a 8ª ano) e ensino médio (1ª a 3ª ano), o grupo composto pelos estudantes da 12º fase da Univaço Ariel Andrade, Arthur Hemetrio, Esmaylhom Menezes, Isabella Cassimiro, Gabriel Moraes, Rebeca Guimarães e Matheus Moreira, deslocam até as escolas e realizam as apresentações em formato expositivo, apresentando o conteúdo teórico e abrindo espaço para discussões.

“O Coronavírus ainda está em alta, por isso achamos importante para a sociedade esclarecer essas dúvidas que estão tendo e informar sobre a doença com informações de pessoas com fontes confiáveis. Estamos pesquisando muito para trazermos informações corretas para os alunos. ” afirma Esmaylhom.

O ensino particular em Ipatinga está acontecendo de forma hibrida desde o dia vinte e seis de abril, após divulgação pela prefeitura do decreto municipal Nº 9.656 que regulamentou o funcionamento do comércio e demais atividades durante o período de pandemia. No entanto, para o funcionamento presencial das aulas, foi estabelecido que as instituições de ensino obedeçam algumas diretrizes impostas pelo decreto municipal, como a disponibilização de álcool em gel, avisos de conscientização da necessidade de higienização pessoal, o uso obrigatório de máscaras de proteção, entre outros.


Fonte: